Missionários
Claretianos Brasil

home » Evangelho Meditado

Evangelho Meditado

Quinta-feira, 22 de Junho de 2017

2 Cor 11,1-11: Anunciei-vos, gratuitamente, o evangelho de Deus

Sl 110: Vossas obras, ó Senhor, são verdade e são justiça

Mt 6,7-15: Eis como deveis rezar

7Nas vossas orações, não multipliqueis as palavras, como fazem os pagãos que julgam que serão ouvidos à força de palavras .8Não os imiteis, porque vosso Pai sabe o que vos é necessário, antes que vós lho peçais .9Eis como deveis rezar: PAI NOSSO, que estais no céu, santificado seja o vosso nome; 10venha a nós o vosso Reino; seja feita a vossa vontade, assim na terra como no céu. 11O pão nosso de cada dia nos dai hoje; 12perdoai-nos as nossas ofensas, assim como nós perdoamos aos que nos ofenderam; 13e não nos deixeis cair em tentação, mas livrai-nos do mal. 14Porque, se perdoardes aos homens as suas ofensas, vosso Pai celeste também vos perdoará. 15Mas se não perdoardes aos homens, tampouco vosso Pai vos perdoará.

Comentário

Segundo o dicionário o verbo "falar" indica a possibilidade que temos de articular palavras através da linguagem. "Dizer", por sua parte, indica a capacidade humana de manifestar o próprio pensamento. O fato de falar não implica, portanto, a faculdade de dizer algo. O evangelho de hoje aborda o tema referindo-se à oração. Quando Jesus ensina o Pai-Nosso a seus discípulos, faz duas considerações importantes: A primeira, que a oração é fundamentalmente um ato de confiança num Pai que conhece o que vivemos e sabe quais são nossas necessidades. A segunda, que Deus atende a oração que é sustentada pela própria vida. O Pai-Nosso confirma as duas afirmações, pois trata-se fundamentalmente de uma oração de petição. Jesus reconhece que depende absolutamente de um Deus providente e transmite a seus discípulos esta mesma consciência: Somos que necessitam de auxílio. A santidade de Deus, a chegada de seu reino e a realização de seu projeto se manifestam no cuidado que concede a suas criaturas. 

Santo do Dia

S. João Fisher

1649-1535 ? bispo e mártir .- \"João? significa \"O Senhor é misericordioso?

João Fisher nasceu em Yorkshire, em 1649. Cursou teologia na Universidade de Cambridge, Inglaterra. Padre aos 25 anos, em 1494, reitor da Universidade de Cambridge e bispo de Rochester, em 1504. Levou vida austera, trabalhando com ardor em favor do seu povo. Costumava fazer várias e freqüentes visitas pastorais aos fiéis. Lutou ardorosamente contra os erros doutrinais de seu tempo. Opôs-se energicamente ao divórcio de Henrique VIII. Em conseqüência de sua postura irredutível, foi preso e lançado prisioneiro na Torre de Londres. Condenado à morte, foi decapitado em 1535. Antes de ser executado, dirigiu-se ao povo: \"Vim aqui para morrer pela fé da Igreja Católica e de Cristo?. Sua cabeça esteve exposta por 14 dias num poste na ponte de Londres.

Calendário - Serviço Bíblico